Uso ilegal do aeroporto internacional de Boa Vista: abastecimento de acampamento de garimpeiros em área indígena

Mostrar registro simples

dc.contributor.author PGR/6CCR - 6ª Câmara de Coordenação e Revisão pt_BR
dc.contributor.other Fundação Nacional do Índio - FUNAI pt_BR
dc.contributor.other Ministério Público Federal - MPF pt_BR
dc.contributor.other Empresa Brasileira de Infra-estrutura Aeroportuária - INFRAERO pt_BR
dc.date.accessioned 2015-11-12T16:49:21Z
dc.date.available 2015-11-12T16:49:21Z
dc.date.issued 1992
dc.identifier.uri http://hdl.handle.net/11549/51524
dc.description O processo não se enquadra em nenhum dos Grupos de Trabalho. pt_BR
dc.description.abstract O processo se refere a uma denúncia de que a Empresa Carbonay Táxi Aéreo vem utilizando o hangar no aeroporto internacional de Boa Vista para favorecer garimpeiros. A aeronave estaria abastecendo um acampamento de garimpeiros instalados em área reservada à comunidade indígena Yanomami, no estado de Roraima. pt_BR
dc.subject Roraima - RR pt_BR
dc.subject Garimpeiro - invasão pt_BR
dc.subject Terra indígena - demarcação pt_BR
dc.subject Minério - exploração ilegal pt_BR
dc.subject.classification Violações dos Direitos dos Povos Indígenas e Regime Militar pt_BR
dc.subject.other Yanomami pt_BR
dc.title Uso ilegal do aeroporto internacional de Boa Vista: abastecimento de acampamento de garimpeiros em área indígena pt_BR
dc.type Processo histórico pt_BR
dc.description.number 08100001544/92-18 pt_BR
dc.contributor.signature Aurélio Virgílio Veiga Rios pt_BR


Arquivos deste item

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)

Mostrar registro simples

Buscar DSpace


Busca avançada

Navegar

Minha conta